Quem sou eu

Minha foto
Salvador, Bahia, Brazil
Olá blogueiras, me chamo Esthefane, tenho 20 anos, criei este blog para o acompanhamento da minha gestação e o crescimento da minha filhota. irei contando a minha história e fazer novas amizades !Engravidei aos 19 anos, mesmo tendo ovario micropolicisticos. Agora sou a mamãe da Esthela que nasceu no dia 06/04/2013, ás 16:02 de parto cesário.

Seguidores

Total de visualizações de página

Tecnologia do Blogger.

1° dia de vida

1° dia de vida
3,430 kg e 50 cm

1° mês e 15 dias

1° mês e 15 dias
5,500 kg e 50 cm

2° mês

2° mês
não foi pesada

3° mês e 10 dias

3° mês e 10 dias
7,900 kg e 64 cm

4 meses e 3 dias

4 meses e 3 dias
8,300 kg e 66 cm

5 meses e 14 dias

5 meses e 14 dias
Peso 9,100 kg e medindo 71 cm

6 meses e 11 dias

6 meses e 11 dias
9,400 kg e 72 cm

7 meses e 15 dias

7 meses e 15 dias
10,400 kg e 74,5 cm

8 meses e 13 dias

8 meses e 13 dias
10,100 kg e 75 cm

9 meses e 13 dias

9 meses e 13 dias
10,490 kg e 77 cm

Sou a madrinha virtual do Arthur

Sou a madrinha virtual do Arthur

Madrinha virtual da Ana Clara

Madrinha virtual da Ana Clara

Namoradinho virtual (Guilherme)

Namoradinho virtual (Guilherme)

Em que mês estamos?

Subscribe

  • São exatamente :

    Pergunte-me no ASK

    Email

    Escolha sua lingua

    Publicações.

    terça-feira, 27 de agosto de 2013
    Bebês de quatro meses de idade
    1. Tente evitar a alimentação das duas da manhã antes que isto torne um hábito.

    Perto dos 4 meses de idade, seu bebê (que toma mamadeira) não precisará ser alimentado mais que quatro vezes por dia. Bebês que mamam no peito não precisam de mais que cinco mamadas no dia. Se não eliminar a alimentação da noite nesta hora, ficará mais difícil parar assim que a criança crescer. Lembre-se de dar a última alimentação às 10 ou 11 da noite. Se o bebê chorar à noite, conforte-o com uma massagem nas costas e algumas palavras suaves em vez de alimentá-lo.

    Note: Alguns bebês que mamam no peito continuarão precisando de uma alimentação durante à noite.

    2. Não permita que o bebê segure a mamadeira ou leve a mamadeira com ele.

    Bebês podem pensar que a mamadeira pertence aos pais. Uma mamadeira na cama leva a um choro no meio da noite porque seu bebê inevitavelmente irá alcançá-la e encontrá-la vazia ou no chão.

    3. Faça com que qualquer contato no meio da noite seja breve e tedioso.

    Toda criança tem quatro ou cinco despertares em cada noite. Elas precisam aprender como voltar a dormir sozinhas nestas horas.

    Se o bebê chorar mais que alguns minutos, visite-o mas não acenda a luz, brinque com ele, ou leve-o para fora do berço. Conforte-o com algumas palavras suaves e fique com ele por menos de um minuto. Se o bebê estiver de pé no berço, não tente deitá-lo. Ele pode fazer isso sozinho. Se o choro continuar por mais de dez minutos, acalme-o e fique no quarto até ele adormecer. (Exceções: se sentir que o bebê está doente, faminto ou amedrontado.)

    Criança de seis meses de idade
    1. Providencie um brinquedo atraente e macio para que sua criança segure no berço.

    Na idade dos seis meses a criança começa a sentir a separação dos pais. Um animal de brinquedo, uma boneca ou um cobertor pode ser um objeto de segurança que pode oferecer conforto à criança quando ela acordar no meio da noite.

    2. Deixe a porta aberta do quarto do bebê.

    Crianças podem tornar-se assustadas quando estão em um espaço fechado e não estão certas que seus pais estão perto.

    3. Durante o dia, responda aos medos da separação segurando e tranqüilizando seu bebê. Isto diminui o medo da noite e é especialmente importante para mães que trabalham fora de casa.

    Para os temores no meio da noite, faça contatos rápidos e tranqüilizantes.

    Cheque o bebê rapidamente e seja tranqüilizadora, porém mantenha a interação tão logo seja possível. Se o bebê for tomado de pânico quando sair ou estiver chorando e vomitando, fique no quarto até que se acalme ou adormeça. Não o tire do berço, mas providencie tudo que precise para reconfortá-lo, mantendo a luz desligada e não falando muito. No mais, sente perto do berço com sua mão encostada nele.

    Crianças de um ano de idade

    1. Estabeleça uma agradável rotina para ir dormir.

    Rotinas para dormir, que podem começar nos primeiros meses, tornam-se muito importantes para uma criança de 1 ano de idade. Crianças precisam de uma rotina familiar. Ambos os pais podem estar envolvidos na hora de dormir, como lendo ou inventando estórias, beijando e desejando à criança "boa noite". Esteja certo que os objetos de segurança da criança estejam por perto. Termine a rotina para dormir antes que a criança adormeça.

    2. Uma vez colocada na cama sua criança deverá ficar lá.

    Algumas crianças mais velhas têm acesso de raiva na hora de dormir. Elas podem protestar sobre a hora de dormir ou até recusarem-se a deitar. Estes protestos devem ser ignorados. Deve ignorar qualquer pergunta feita ou exigir que a criança durma e reafirmar a regra de que não pode deixar o quarto de dormir. Se a criança sair, volte-a rapidamente para o quarto e não permita qualquer conversa. Se responder aos seus protestos deste modo toda vez, aprenderá a não tentar prolongar a sua hora de dormir.

    3. Se sua criança tiver pesadelos ou sentir medo na hora de dormir tranqüilize-a. Nunca ignore os medos da criança ou puna por ter medos. Todos têm quatro ou cinco sonhos por noite, alguns deles podem ser ruins. Se pesadelos tornam-se freqüentes, tente determinar o que os está causando.

    4. Não se preocupe com a quantidade de sono que sua criança esta tendo.

    Diferentes pessoas precisam de diferentes quantidades de sono em diferentes idades. A melhor maneira de saber que a criança está tendo um sono adequado é se não está cansada durante o dia.

    Tirar sonecas são importantes para crianças mais novas, porém mantenha por menos de duas horas de duração. Crianças param de tirar sonecas pela manhã entre os 18 meses e 2 anos de idade e deixam de tirar sonecas a tarde entre os 3 e 6 anos de idade.

    *-* By: Esthefane Silva *-*

    0 comentários: