Quem sou eu

Minha foto
Salvador, Bahia, Brazil
Olá blogueiras, me chamo Esthefane, tenho 20 anos, criei este blog para o acompanhamento da minha gestação e o crescimento da minha filhota. irei contando a minha história e fazer novas amizades !Engravidei aos 19 anos, mesmo tendo ovario micropolicisticos. Agora sou a mamãe da Esthela que nasceu no dia 06/04/2013, ás 16:02 de parto cesário.

Seguidores

Total de visualizações de página

Tecnologia do Blogger.

1° dia de vida

1° dia de vida
3,430 kg e 50 cm

1° mês e 15 dias

1° mês e 15 dias
5,500 kg e 50 cm

2° mês

2° mês
não foi pesada

3° mês e 10 dias

3° mês e 10 dias
7,900 kg e 64 cm

4 meses e 3 dias

4 meses e 3 dias
8,300 kg e 66 cm

5 meses e 14 dias

5 meses e 14 dias
Peso 9,100 kg e medindo 71 cm

6 meses e 11 dias

6 meses e 11 dias
9,400 kg e 72 cm

7 meses e 15 dias

7 meses e 15 dias
10,400 kg e 74,5 cm

8 meses e 13 dias

8 meses e 13 dias
10,100 kg e 75 cm

9 meses e 13 dias

9 meses e 13 dias
10,490 kg e 77 cm

Sou a madrinha virtual do Arthur

Sou a madrinha virtual do Arthur

Madrinha virtual da Ana Clara

Madrinha virtual da Ana Clara

Namoradinho virtual (Guilherme)

Namoradinho virtual (Guilherme)

Em que mês estamos?

Subscribe

  • São exatamente :

    Pergunte-me no ASK

    Email

    Escolha sua lingua

    Publicações.

    sexta-feira, 27 de setembro de 2013
    Andei pesquisando sobre umas coisas que vem acontecendo comigo há uns tempos, porem era moderado, mas agora só fez piorar e me atrapalhar em muitas coisas.

    Transtornos de ansiedade:

    A ansiedade é um mecanismo de defesa do nosso corpo e faz parte do funcionamento normal da fisiologia dos homens e dos animais. Tem um importante valor de sobrevivência e adaptação, pois sua finalidade é alertar o organismo a respeito de algum perigo para que ele tenha tempo de lidar com a situação que o ameaça lutando ou fugindo e, uma vez que a situação desaparece, desaparecem também os sintomas físicos e psíquicos a ela relacionados.
    Estas situações de estresse podem ser um grande susto, alguma agressão ou ameaça a integridade física, uma situação nova na vida do indivíduo, entre outras que enfrentamos no nosso cotidiano.
    O transtorno de ansiedade, ao contrário, é um problema psicológico que perturba o sujeito a ponto de atrapalhar sua vida e do qual ele não consegue se livrar por conta própria. Quando as sensações incômodas de tensão, apreensão e inquietação surgem sem motivo aparente ou permanecem após ter desaparecido um possível evento desencadeante dessa ansiedade, fazendo com que o sujeito sinta-se continuamente desconfortável e com sintomas físicos e psíquicos de alerta é sinal de que a ansiedade está tomando proporções acima das aceitáveis.
    Em excesso a ansiedade causa uma série de desarmonias no sistema nervoso autônomo que podem ser sentidos de diversas formas. Os principais sintomas são:

    Os que tenho marcarei com vermelho
    -Ataques repetidos de medo
    -Irritabilidade
    -Nervosismo 
    -Incapacidade de permanecer parado (necessidade constante em se movimentar, roer as unhas, puxar os cabelos, mexer o tempo todo nos objetos ao redor, fumar, comer ou beber demais, etc)
    -Falta de capacidade de concentração-Problemas de memória
    -Sentimento de confusão mental
    -Tensão muscular
    -Preocupações e expectativas excessivas
    -Sudorese
    -Palpitações
    -Dores de cabeça
    -Voz hesitante
    -Sensação de “nó no estômago” ou de “aperto no peito”.
    -Tremores
    -Falta de ar
    -Secura na boca
    -Cólicas
    -Problemas gastrintestinais (vômitos, diarréias, urgência urinária, náuseas).
    -Tonturas
    -Mal-estar generalizado
    -Sensação de insegurança e receio constante
    -Impaciência
    -Dúvidas excessivas
    -Cansaço
    -Dificuldade para dormir ou para manter o sono
    -Angústia, entre outros.
    O diagnóstico de um transtorno de ansiedade só é possível através de uma análise do estado geral do paciente, onde se constatam seus sintomas físicos e psicológicos, seus comportamentos e sua capacidade de desempenho prático nas suas diversas atividades e relacionamentos.
    Na maior parte das vezes, esse transtorno está relacionado à permanência do sujeito em ambientes ou situações geradoras de estresse, tensão ou pressão contínuos ou, então, a períodos de preocupação causados por algum problema em alguma área de sua vida: profissional, afetiva, familiar, financeira, etc.

    A forma como são manifestados os sintomas podem se diferenciar bastante e definem os diversos tipos de Transtornos de Ansiedade. São eles:

    - Transtorno do Pânico
    - Fobias
    - Transtorno Obsessivo-Compulsivo (TOC)
    - Transtorno de Estresse Pós-Traumático
    - Ansiedade Generalizada

    *-* By: Esthefane Silva *-*

    0 comentários: